JAMES AKEL
jamesakel@uol.com.br


QUANDO O CONTEÚDO É ADEQUADO O SHOW DÁ IBOPE

Ontem o Conexão Cabrini no SBT deu média de 8 no ibope, ficando mais de 20 minutos líder.

Foi muito mais que bom.

Foi um excelente programa de jornalismo e entretenimento.

Foi simplesmente de encantar.

Imaginem se depois deste fantástico programa que Cabrini fez revelando bastidores reais do PCC se ele faz um programa revelando bastidores reais da Petrobras e suas mazelas.

Com certeza nem iria ao ar de verdade.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 01h32





OS BASTIDORES DO PCC

Há vários anos o jornalista Roberto Cabrini descobriu a existência de imagens que revelam os bastidores da maior organização criminosa do país.

Documentos que comprovam que os lideres do PCC, ao contrário do que sempre disseram as autoridades, se reúnem e se articulam livremente dentro do presídio de segurança máxima de Presidente Venceslau e agem através de uma rede avançada de comunicação..

Algo que ocorreu mesmo depois das ações de 2006, quando São Paulo ficou refém da maior onda de ataques de sua história.

Foram muitas as tentativas para evitar que o jornalista tivesse acesso ao material. Mas finalmente a missão foi cumprida. E hoje chegou a hora de revelar a mais bombástica reportagem já feita sobre o funcionamento do PCC. Como atua o líder da organização criminosa Marcos Herbas Camacho, o Marcola? Qual o papel do número dois da organização, Julinho Carambola?

Andinho, Biroska, Cego, Vietanan... As reuniões para planejar ações, o Tribunal do crime, as execuções dentro e fora dos presídios, o envolvimento de policiais corruptos...

Bandidos perigosos afrontando a sociedade no crime organizado... Uma prisão de segurança máxima transformada em escritório central.... A sociedade tem o direito de saber como atua a organização criminosa que mais a desafia? Nós acreditamos que sim.

Roberto Cabrini revela tudo isso hoje à noite, em “Escritório Central” no Conexão Repórter 11:20 da noite.



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 10h40





VEJAM PORQUE ANDRÉ VARGAS DO PT NÃO RENUNCIA DE SER DEPUTADO

O deputado petista André Vargas falou que iria renunciar ontem.

Mas aconteceu algo o fez parar pra pensar.

O fato de sua renúncia pra não ser cassado fazer com que ele seja punido e não elegível por 8 anos está tudo certo.

Está dentro da lei de Ficha Limpa e coerente.

Mas ontem apareceu a decisão de que mesmo que renunciasse e perdesse o direito de se eleger, mesmo desta maneira, o Conselho de Ética da Câmara continuaria o processo contra Vargas.

Uai, se é pra continuar o processo mesmo ele não sendo mais deputado, nãop precisa renunciar neste momento.

É incoerente continuar o processo no Congresso contra alguém que deixou de ser deputado, ainda mais que a punição já está o contexto da renúncia.

Se isto está de verdade na lei precisa ser mudado pois não existe coerência em processar no Congresso alguém que de lá não mais participa e atua.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 08h18





O GOVERNO DO PT QUER FAZER COM O SBT O MESMO QUE FIZERAM OS MILITARES DE 64 CONTRA A TV EXCELSIOR

A atitude do Governo do PT em colocar contra a parede o SBT, através de seu ministro que cuida do dinheiro da comunicação do governo, ao pensar em não repassar a verba publicitária de 150 milhões ao ano para o SBT é uma atitude exatamente igual ao que os militares de 1964 fizeram contra os dono da TV Excelsior.

Em 1964, ao saber que Wallace Simonsen, dono da TV Excelsior, não aceitava passivamente o Regime Militar por ser amigo pessoal de João Goulart e fazia um jornalismo que questionava atitudes dos militares que tomaram o poder dos políticos, o então presidente Castelo Branco, de maneira objetiva e estratégica, cassou da noite ao dia literalmente a concessão da companhia aérea Pan Air, a que foi a mais luxuosa companhia do Brasil e que detinha exclusividade de viagens ao estrangeiro e que era no fundo a sustentação financeira da TV Excelsior.

Logo que Castelo cassou a Pan Air, de imediato desapropriou por uma ninharia todas as propriedades de Simonsen que tinham aeroportos pelo Brasil sob pretexto de segurança nacional.

Desta maneira Simonsen ficou sem sua grande renda da companhia aérea e a renda das taxas que lhe rendiam seus aeroportos.

Foi questão de tempo para que Simonsen gastasse suas economias tentando pagar as contas da TV Excelsior que só eram pagas graças ao dinheiro que Simonsen arrecadava fora da emissora.

O PT no governo, através de Dilma e Franklin Martins, curiosamente companheiros de guerrilha terrorista cubana contra militares brasileiros em 64, fez igual a Castelo Branco ao ameaçar o SBT de ficar sem os 150 milhões de verbas de publicidade do governo.

A diferença é que em 64 Simonsen não se vergou aos militares e quebrou, perdendo a TV Excelsior e deixando na mão milhares de famílias.

No caso atual Silvio Santos, através de seu sobrinho Stoliar, que trata de casos políticos, acabou cedendo e compondo uma situação para evitar que os funcionários da emissora acabassem pagando com seus empregos a redução de verbas publicitárias da emissora.

Apenas pra exemplificar em dinheiro, o SBT não tem nem 50 milhões de lucro ao ano, ou seja, se perdesse 150 milhões de verbas do governo teria que reduzir seu quadro de funcionários, principalmente do jornalismo.

Então a atitude de Silvio compor a situação tirando os comentários pessoais de Rachel Sheherazade do ar, foi sensata ao preservar os empregos dos trabalhadores.

Tem mais ainda.

Engana-se que acredita que o tal comentário sobre o bandido foi o responsável pela ação da deputada comunista contra Rachel e o SBT.

O pavor que o governo do PT tem ou tinha era Rachel começar a contar ao povo os bastidores da Petrobras.

Tais bastidores escandalosos aparecem apenas em jornal que o povo não lê ou na web que o povo sequer entende.

Mas quando Rachel começasse a explicar seria o fim do governo do PT e de petistas atuantes.

Este foi o pavor que gerou toda a ação do governo.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 07h36





RETRATO ESCRITO DO BRASIL

As coisas não andam bem no governo !!

Vejam os temas dos editoriais dos principais jornais do País !

 

 

 

O dever que Dilma ignorou - EDITORIAL O ESTADÃO

O Estado de S.Paulo - 15/04

 

Uma autópsia do aparelhamento do Estado - EDITORIAL O GLOBO

O GLOBO - 15/04

 

Investigação indispensável - EDITORIAL ZERO HORA

ZERO HORA - 15/04

 

A inflação e o controle de preços - EDITORIAL GAZETA DO POVO - PR

GAZETA DO POVO - 15/04

 

IBGE tem de manter a reputação - EDITORAL CORREIO BRAZILIENSE

CORREIO BRAZILIENSE - 15/04

 

Erosão de confiança - EDITORIAL FOLHA DE SP

FOLHA DE SP - 15/04 

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 18h47





CESAR FILHO FAZ DECLARAÇÕES CONTUNDENTES HOJE NO SBT

Durante o jornal da manhã César Filho fez declarações contra bandidos assassinos tão fortes quanto fazia Rachel Sheherazade.

Apenas se preocupou em medir mais as palavras pra não ser entendido de maneira errada ou acusado de algo que jamais disse.

Mas a indignação de César contra os assassinos de um jovem trabalhador de uma lotérica foi incrível e demonstrou toda nossa indignação frente aos desmandos da segurança pública.

Então fica aqui a pergunta se a deputada comunista que acusou Rachel Sheherazade vai ter coragem de acusar César Filho também por defender punição de verdade pra bandido.

Fica aqui a pergunta se a deputada comunista que acusou Rachel vai visitar a família do trabalhador que foi assassinado por canalhas.

E fica aqui a mais estranha dúvida que me veio no momento.

Será que teria alguma razão ideológica o fato da  deputada ser comunista e Rachel Sheherazade ser evangélica assumida?

Qualquer que seja a resposta a dúvida sempre vai ficar em nossas mentes.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 08h21





CALARAM A BOCA DE RACHEL SHEHERAZADE MAS DEIXARAM DANILO GENTILLI LIVRE

A mudança de postura do comando do SBT ao determinar que Rachel Sheherazade fique de boca calada durante o principal jornal do SBT vai contra a determinação de Silvio Santos e Daniela Beyruti que foram os artífices da contratação de Rachel exatamente pelo perfil de sua personalidade combativa e polêmica sobre os assuntos.

Esta coluna foi a única a escrever e duvidar da continuidade da liberdade de Rachel pra falar sobre tudo.

E tínhamos motivo pra tal pois o Grupo Silvio Santos passou por um momento de dificuldades financeiras e políticas com o Banco Panamericano, tanto quando precisou vender uma parte do banco pra Caixa Econômica quanto depois quando se descobriu grandes diferenças reais de caixa do banco.

A atuação do Palácio do Planalto e Banco Central na resolução do problema do banco, criando um comprador que ainda pagou uma promissória pelo banco de caixa sem caixa, caixa coberto pelo Fundo Garantidor de Crédito gerido pelos bancos, que deram o dinheiro sem receber nem 10 por cento da cobertura do caixa, fazendo com que o Grupo Silvio Santos não precisasse vender absolutamente nada pra cobrir a conta, tudo isto acaba criando um cenário onde fica difícil a existência de um jornalismo agressivo e de crítica ao governo.

Neste cenário aparece Rachel Sheherazade, com declarações polêmicas, embora reais e que mexem com a cabeça do povo, mostrando os desmandos de um governo que se perdeu faz tempo e nem conhece o caminho certo pra governar povo.

Lógico que tal jornalista teria curta atuação de liberdade.

Não precisava ser mágico pra saber tal coisa.

Agora uma deputada federal abriu processo contra Rachel e o SBT.

Não vimos esta tal deputada pedindo satisfações públicas quando a Caixa Econômica comprou parte do Banco Panamericano.

Não vimos esta tal deputada pedindo satisfações públicas nem depois que apareceu a diferença de caixa do Banco.

Mas agora pede satisfações porque uma jornalista mostrou-se indignada com a violência de menores que se encontram livres pra matar sem punição à altura.

Não vimos esta tal deputada visitar as famílias de vítimas dos matadores menores que atiram sem piedade e por prazer.

Mas agora quer calar a palavra de uma jornalista plenamente reconhecida pelo povo que trabalha e que está de saco cheio de assaltos e mazelas.

Não vimos a tal deputada protestar contra construções de campos de futebol num país de baixa estrutura de saúde, quase nenhuma estrutura de educação e nenhuma estrutura de segurança pública.

Mas vimos a tal deputada querendo cassar a concessão de uma emissora de televisão que emprega milhares de pessoas e dá alimento a milhares de famílias.

Calaram a boca de Rachel Sheherazade.

Mas não calaram a boca de Danilo Gentilli e seus companheiros.

Na noite passada, numa gostosa entrevista com Fafá de Belém, quando Fafá se mostrava sem entender direito porque construíram mega campos de futebol pra uma Copa num Brasil de tanta falta de estrutura pra tudo, ali no palco e sem cerimônias, o músico Roger contou pra ingênua Fafá que construíram mega arenas sem utilidade pra ganharem dinheiro.
Aliás o músico Roger falou a palavra roubo com toda naturalidade.

Outros momentos do programa de Gentilli demonstraram que ainda existe palavra lúcida dentro do SBT.

Pode nem ser no jornalismo mas o que vale é que exista.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 01h06





ABI-SP ENVIA SOLIDARIEDADE A RACHEL SHEHERAZADE

Prezada Jornalista Rachel Sheherazade

A Associação Brasileira de Imprensa - Representação de SP
tem a incumbência de lhe prestar a mais efetiva solidariedade pelo momento delicado em que se encontra a jornalista e o SBT enfrentando ação de uma deputada federal.
No momento em que a jornalista proferiu palavras e pensamentos que tanta polêmica causaram, sabemos que a jornalista estava no seu direito de livre pensar explanando o desgosto de toda população de bem e trabalhadora que vem a cada dia mais sendo vilipendiada por assaltantes de todas as idades e, pior, principalmente, menores de idade que se valem de lei tão estranha que protege menores que entram no banditismo.
A jornalista desabafou seu desespero em nome do povo trabalhador que ganha seu alimento pelo suor de seu trabalho e se vê às voltas com bandidos que matam e assaltam seus bens resultante de seu trabalho.
Temos a certeza que a jornalista está sendo vítima de acusações infundadas por parte de deputados que deveriam estar lutando pelo fim do banditismo ao invés de polemizarem sobre desabafos.
Sabemos e temos certeza que pela formação da jornalista, quer no lado Cristão, quer no lado profissional, jamais em tempo algum teve em seu objetivo pedir a morte ou tortura de quem quer que seja.
Nossa solidariedade também alcança o comando do SBT que está sendo acusado também pela mesma deputada que acusa a jornalista.
Justo o SBT que jamais em tempo algum atrasou salários de funcionários e sempre foi correto e pontual em seus pagamentos mantendo um excelente ambiente de trabalho no ramo.
Temos confiança que os magistrados que tiverem a incumbência de julgamento vão entender perfeitamente que a jornalista Rachel Sheherazade, que é um exemplo de profissional e caráter, é plena e totalmente inocente das acusações que lhe são atribuídas.
Com nossos votos de solidariedade

Rodolfo Konder - Diretor
James Akel- Conselheiro



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 20h25





NOVO CAMINHO DA PRAÇA É NOSSA NO SBT PODE SER BOM

A ideia de Carlos Alberto de Nóbrega em reeditar a personagem da velha surda vai ser sucesso, com a interpretação do notável Ronaldo Ciambroni.

Além de ser grande teatrólogo, premiado fora do Brasil, Ronaldo vai saber dar seu ar de comédia em personagem tão importante da história do programa.

Falta agora Carlos Alberto reeditar a personagem da fofoqueira que fica na janela, que no passado foi interpretado por Maria Thereza.

Ninguém nos dias atuais faria melhor esta personagem do que a querida Mama Bruscheta com todo seu carisma.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 07h29





AS DOCES AMEAÇAS DE SILVIO SANTOS NO DOMINGO

Simplesmente sensacional a declaração de Silvio Santos ontem em seu programa.

Silvio disse que quer fazer seu programa de domingo ao vivo, igual fazia no começo de sua carreira na TV Paulista.

E quer entrar no ar às 6 da tarde, saindo às dez da noite.

Pra quem achou que ele estava brincando, um detalhe mostra que é mais do que sério seu desejo.

Se ele estivesse brincando não teria se preocupado em detalhar que acabando o programa às dez da noite, dá tempo das meninas da plateia chegarem em casa antes da meia noite.

Este detalhe mostra o quanto estava falando a sério mesmo em tom de brincadeira e gargalhadas.

Tem mais ainda.

Se por acaso depois das dez Silvio reprisar A Praça é Nossa e o Conexão do Cabrini, é capaz de bater a TV Globo com tranquilidade.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 07h21





DOMINGO SHOW DETERMINA NOVOS CAMINHOS DA TV RECORD

Com acertos e ajustes a serem feitos, os números do Domingo Show da TV Record estão significando uma revolução interna na Record e nas concorrentes.

Quem diria que a Globo, pela primeira vez na história, jogasse seu pacote de filmes inéditos num domingo e na tradicional Tela Quente?

Quem diria que a Globo, numa reação inédita, colocasse Regina Casé ao vivo pela primeira vez? E ainda escalar às pressas Felipão e Zeca Pagodinho pra brigar com a TV Record?

O SBT meio que jogou a toalha com Portiolli.

E por último, chega a ser risível a tentativa da Globo e do SBT de tentarem classificar o programa de “sensacionalista”. O que a TV Record faz no Domingo Show em nada difere do que Faustão, Gugu, Luciano Huck, Ratinho ou Portiolli já tenham feito. Isto se chama programa de entretenimento para TV aberta.

A diferença, além de entrar como “zebra” no jogo de domingo, está na escolha e execução do conteúdo do programa a cada semana pensado e realizado por um grupo de jovens jornalistas que muito me lembram o começo do Flávio Cavalcanti na TV Tupi.

E o mais importante que já escrevi aqui é que é possível concorrer com a TV Globo, desde que se saiba criar o programa adequado para TV aberta e tenha estratégia do ramo.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 07h07





PESQUISA SEM SERVENTIA FEITA PELA TV RECORD

O jornalista Flávio Ricco revela na sua coluna de hoje uma pesquisa feita pela TV Record sobre sua programação e a dos concorrentes.

A pesquisa mostra que 68% do povo vê a TV Record por causa do jornalismo, a TV Globo é lembrada pelo povo pela novela e o SBT pelo programa de auditório.

Então eu digo que a TV Record jogou dinheiro fora numa pesquisa totalmente sem serventia se ali dentro tivesse alguém que simplesmente soubesse per o ibope.

Basta ler o ibope e ver que a maioria absoluta dos programas da TV Record que tem bom ibope são da área de jornalismo encabeçados pelo Domingo Espetacular e bem desenhados pelos outros jornalísticos da emissora que muitas vezes atingem lugar de líder.

Basta ler o ibope pra ver que o maior ibope da TV Globo é a novela, ibope muito acima do que qualquer outra coisa na emissora.

Basta ler o ibope pra ver que no SBT o Programa Silvio Santos e a Praça é Nossa tem o maior ibope da emissora e são dois puros programas de auditório, assim igual os programas de Eliana e Patrícia Abravanel que tem boa lembrança do povo.

Aliás, lembrança também que pode ser entendida nos nomes conhecidíssimos de Raul Gil, Ratinho e Celso Portiolli.

O que eu quero dizer com isto é que se a TV Record precisa gastar dinheiro com uma pesquisa primária que qualquer um que soubesse entender o ibope saberia mostrar, a TV Record infelizmente está num estágio muito primário na área administrativa de comando geral.

Embora seu jornalismo esteja bem avançado, parece principiante o comando da emissora que define seu futuro.

É a mesma coisa que o leitor mandar fazer uma pesquisa pra saber qual é o mês em que o povo mais usa guarda-chuva e aparecer o mês de março, que é o mês de maior chuva.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 06h50





LAMENTÁVEL ATITUDE DE MILITARES DESPERPARADOS NO COMPLEXO DA MARÉ NO RIO

Definitivamente o Exército não está preparado pra ocupar militarmente o Complexo da Maré no Rio.

Entre inúmeros casos de arbitrariedade, um trabalhador que mora ali e deixa seu carro estacionado em frente de casa teve o carro arrombado por duas vezes por militares sob pretexto de procura de drogas e armas.

Deste jeito vai se criar um clima contra os trabalhadores que moram ali pior que o clima de domínio dos traficantes.

Isto é um ato de tortura contra uma população pobre que não pode pagar com sua tranquilidade pelos atos de traficantes.

Não é este o Exército que o Brasil precisa e paga por ele.

Não é este o preparo que se espera de um Exército que tem que defender a tranquilidade de seu povo mesmo pobre.

Atos desta maneira apenas fazem o povo que ali mora desejar o domínio dos traficantes ao de militares.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 00h09





ATOR DA TV GLOBO DEMONSTRA SOLIDARIEDADE A JOSÉ DIRCEU

Digna de nota a entrevista que José de Abreu deu ao site Congresso em Foco, onde declara que se não fosse José Dirceu nem Lula e nem Dilma seriam presidentes.

E recrimina Lula e Dilma por não fazerem campanha pela liberdade de Dirceu pelos atos do passado.

Mesmo quem não comunga da filosofia petista tem que reconhecer na fidelidade e gratidão algo louvável e que a postura de José de Abreu apenas comprova que a Justiça não foi feita ao se condenar Dirceu deixando de fora Lula e quem sabe mais alguém.

Abreu ainda falou um palavrão sobre o PT caso o partido fique passivo diante do caso.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 00h08





O NOVO PERFIL DA SELEÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL DO BRASIL

Fazia tempo que a Seleção de Futebol não tinha um tempo tão harmonioso e tranquilo.

A própria CBF é um retrato hoje deste perfil.

A começar pelo presidente anterior, Ricardo Teixeira, de perfil mais equidistante aos funcionários, muito solene nas relações, tido por muitos sendo antipático e frio.

Ao contrário do atual presidente José Maria Marin que tem perfil mais simples, mais ouvinte e que cumprimenta a todos de maneira indistinta de quem quer que seja.

Este perfil de Marin gerou inúmeros comentários entre funcionários que certamente fazem a comparação entre o antigo presidente e o atual.

Marin assumiu uma presidência que vinha polêmica e de difícil desempenhar.

E com sua experiência de política e vida conseguiu aos poucos agregar alas da CBF e afastar adversários.

O objetivo era a calam dentro da CBF para que esta filosofia pudesse ir a campo e se fizesse um bom trabalho.

E a escolha do técnico Felipão foi feliz mesmo sendo contra toda uma mídia que queria a permanência do técnico antigo.

Depois de desenvolver um trabalho efetivo de escolha de jogadores e estratégia, Felipão caminha hoje pelo mundo pra conversar discretamente com cada jogador brasileiro que está no exterior trocando experiências com cada um e de maneira pessoal montando a filosofia de trabalho que deve aparecer na Copa este ano.

Tudo de maneira discreta sem mídia e sem aparecer.

Novamente tenho que lembrar e comparar o clima de hoje na Seleção com o clima da Copa de 62, onde a cabeça de Paulo Machado de Carvalho foi fundamental pra Seleção vencer.

Paulo Machado de Carvalho na época passou por inúmeras situações até criar clima de harmonia e paz dentro da Seleção, nos moldes do ambiente que sempre determinou dentro de sua Rádio e TV Record.

E lá no Chile, chegou com Pelé e se viu sem o craque pra disputar a Copa.

Tudo foi bem trabalhado por Paulo que todos os dias fazia reuniões com os jogadores colocando e fazendo entenderem o espírito de grupo que era fundamento de bom jogo.

Todos em 62, nas mais diversas situações, desde a perda de Pelé por contusão até a polêmica expulsão de Garrincha, viram em Paulo Machado de Carvalho o respaldo psicoilógico e real pra definirem o futuro.

O Velho Paulo estava lá pra garantir tudo que os meninos precisavam pra jogar bem em campo.

Desde a transição de Pelé pra Amarildo até a atuação pra que Garrincha não fosse suspenso.

Tudo que se precisava fora do campo o Paulo Machado de Carvalho estava lá pra resolver e dar condições pra turma.

Hoje José Maria Marin fez as funções que Paulo Machado de Carvalho fez em 1962.

Desde a posse conturbada na presidência, com adversários explícitos e mídia contra, Marin atravessou tudo com sua experiência de empresário bem sucedido e político de experiência.

O próprio Felipão assimilou esta filosofia e passou a trabalhar em harmonia com a presidência e os jogadores sem querer ser dono do show ou ser ditador pra aparecer na mídia.

O Brasil pode ganhar ou não a Copa porque isto é o momento de cada jogador que vai decidir de verdade.

Mas apenas duas vezes a Seleção chegou na Copa com uma harmonia tão boa quanto a de hoje.

E por mais que a gente critique o Governo, por mais que a gente faça críticas ácidas contra o Governo, por mais que a gente ache uma vergonha um campo de futebol custar quase 2 bilhões de reais enquanto o povo passa fome e não tem segurança, a gente não pode querer de verdade que a Seleção não ganhe a Copa.

 



Escrito por jamesakel@uol.com.br às 08h13



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]



 
Histórico
Outros sites
  Meu Facebook



O que é isto?